EPS Phytostandard Rhodiola Wamine

EPS PHYTOSTANDARD RHODIOLE WAMINE Tornar a imagem maior

Wamine Wamine

Phytostandard VETERINÁRIO EPS Rhodiola 90ML Wamine recondicionados
suplemento alimentar para animais de estimação, reprodução ou competição baseada em extrato fluido de Rhodiola (Padronizado e estabilizada)

mais detalhes

Expedié Disponível em 1-2 dias úteis

Ver termos de entrega - Gratuita a partir 99 €*

    8,89 € TTC

    Adicionar à Lista de desejos

    ganhar 229 pontos lealdade em comprar este produto


    EPS Phytostandard Rhodiola 90ML Wamine recondicionados

    extrato fluido suplemento alimentar para animais de estimação (cão, gato, coelho e NAC), pecuária (vacas, porcos, aves) ou competição (cavalo, galgo) com base de Rhodiola (Padronizado estabilizado) Álcool
    O PhytoStandards Wamine são extractos fluidos, produtos de plantas seleccionadas cuja origem é traçada.
    Eles são obtidos de acordo com um processo patenteado que respeite a integridade da planta. Estes extractos são padronizados e assegurar que o conteúdo constante e estável dos ingredientes activos.

    Propriedades de EPS Phytostandard Wamine Rhodiola

    - Anti-depressivo (1)
    - Adaptogen (2)

    1 Luvan Diermen D et al. inibição da monoamina oxidase por Rhodiola rósea L. raízes. J Ethnopharmacol. 2009; 122 (2): 397-401.

    2 Spássov AA et al. Um estudo duplamente cego, controlado por placebo piloto do efeito estimulante e adaptogênica de Rhodiola rósea SHR-5 extracto sobre o cansaço de estudantes causada pelo stress durante um período de exame com um regime de baixa dose repetida. Phytomedicine 2000; 7 (2): 85-9 ..

    Rhodiola (Rhodiola rósea) também é tradicionalmente conhecida pelas suas propriedades estimulantes:

    - Anti-fadiga, aumenta o desempenho físico e mental
    - Contra a déficits de memória promove a atenção, a capacidade intelectual e de memória. Anti-estresse em estudantes durante o tempo de exame. A memória para crianças e educação de adultos.
    - Luta contra a ansiedade e demência senil
    - retirada da nicotina e retirada naturalmente tabaco

    - normaliza o batimento cardíaco e diminui a pressão sanguínea.
    - Permite a absorção de ferro e assegura uma boa glicose no sangue - Os níveis de insulina
    - Efeito sobre o sistema imunológico

    Dicas para usar o EPS Phytostandard Wamine Rhodiola

    A título indicativo, as doses seguintes de corrente Phytostandard Wamine EPS rosea, oral: 1 ml por 5 kg / dia

    Os cães e gatos com menos de 5 kg de: ajustar a dose de acordo com o peso - cães com mais de 25 kg: entregar máxima de 5 ml / dia - Durante doenças agudas, repetir a dose de 3 a 4 vezes ao dia, durante cinco dia - em condições crónicas, 1 vezes por dia durante 20 dias, renovável.
    Precauções do EPS Phytostandard Wamine Rhodiola

    Este suplemento alimentar para animais de estimação (cão, gato, coelho e NAC), pecuária (vacas, porcos, aves) ou competição (cavalo, galgo) não pode substituir, uma dieta equilibrada variada e um modo vida saudável.
    Estas dicas de uso são fornecidos apenas para informação, eles não fornecem um diagnóstico preciso e correção da dieta. Algumas plantas, como cassis requerem a duplicação da dose. Para os animais grávidas não deve ser administrado: Alfalfa, Alchemilla, Sage, lúpulo. Atenção administrar estes extractos podem desencadear uma salivação transiente em alguns animais. Neste caso, dilui-se ainda mais a mistura com água antes da administração ou por administração da dose várias vezes durante o dia. Em gatos: quando composição é administrada com alimentos, adicione mais 1/4 Bardana na mistura para melhorar a ingestão de alimentos.

    Composição do EPS Phytostandard Wamine Rhodiola

    Rhodiola extracto - de Rhodiola rósea L. (raizes), estabilizada na glicerina de origem vegetal.

    Crassulaceae da família

    Origem: Mongólia

    histórico
    Também conhecido como "roseroot", "Rhodiola rosa" ou "root de ouro", rhodiola deve o seu nome latino para o aroma sutil de rosa claro por rizomas quando cortado. Ela tem sido usada na medicina tradicional russa e escandinava durante séculos. Os Vikings usou-o como um tónico, Inuit e Lapps usaram as folhas como por seus efeitos estimulantes. A medicina tradicional chinesa usada várias preparações desta planta para aumentar o desempenho físico, reduzir a fadiga, contra várias infecções ...

    Em seu livro De Materia Medica, Dioscorides, em 77 dC, adia primeiro aplicações medicinais Rodia riza. Linnaeus renomeou: Rhodiola rosea semelhança de clara cheiro rosa de raízes recém-cortadas.
    Na medicina popular popular a raiz de Rhodiola rosea é usado para melhorar a resistência física, a produtividade do trabalho, a resistência à doença de altura e fadiga. Bem como contra a depressão, anemia, impotência, infecções e distúrbios do sistema nervoso.
    Na Europa, é tradicionalmente usado principalmente para uso externo como um anti-reumático. Trabalhos recentes mostraram atividade na doença cardíaca, mas sua atual popularidade vem de suas propriedades adaptogen e imunoestimulantes particularmente estudados na Rússia e na China. Desde 1960, mais de 180 estudos farmacológicos, fitoquímicos e clínicos têm sido publicados (51% e 94% dos animais em seres humanos).

    Os EPS ou   são obtidos pelo processo de extracção "Phytostandard" que respeita a integridade e a integridade dos princípios activos presentes na planta.

    Propomos para preparar misturas EPS acordo com as fórmulas recomendadas pelo seu phytothérapeuthe veterinário.

    informações adicionais

    Plantas frescas extrair raiz R. rosea Padronizado ter um efeito estimulante. funções cognitivas (atenção, memória, aprendizagem) são aumentadas, onde a utilização proposta para retardar déficits de memória. Estudos mostram um aumento no desempenho físico e mental. Tendo em conta estes dados, muitas tentativas foram feitas por volta de 1970, os atletas russos, tendendo a provar os benefícios da rhodiola em aumentar o desempenho. Nos seres humanos, em um estudo de 53 indivíduos saudáveis ​​e em 412 doentes com vários distúrbios neuróticos, foram observados efeitos psicoestimulantes com acção positiva em astenia.

    Anti-fadiga e adaptógeno, raiz de extractos hidro-alcoólicos R. rosea promove a adaptação e a resistência ao stress. Ela promove a atenção, a capacidade intelectual e de memória. Estudos duplo-cegos demonstraram claramente este efeito anti-stress nos estudantes durante o tempo do exame

    Num estudo, os autores mostram que o extracto hidro-alcoólico de raízes de Rhodiola rósea L. tem potente actividade antidepressiva, inibindo a MAO A e alguns também encontrar aplicação no controlo da demência senil, por sua acção inibição de MAO B.

    Em estudos recentes realizados em ratos, os autores demonstraram que os extractos alcoólicos de Rhodiola rósea diminuir os sinais de privação de nicotina (ansiedade, sinais somáticas e a actividade locomotora)

    Além de suas atividades "adaptogens" bem conhecidos hoje, a Rhodiola é cardio-protector e regulador do músculo cardíaco. Normaliza o batimento cardíaco imediatamente após exercício extenuante e extensão da fase de contracção cardíaca enquanto reduz a pressão sanguínea. Este efeito é, provavelmente, devido à sua acção inibidora da angiotensina (ACE), que, nos autores mostram que os extractos alcoólicos de Rhodiola rósea têm maior partes (38,5%), os extractos aquosos (36,2% ).

    Rhodiola é um anti-radicais livres: suas propriedades antioxidantes têm sido objecto de numerosos estudos. Ela inibe muitas enzimas (fosfolipase A2 - COX-2 - tem uma forte actividade inibidora da xantina oxidase da xantina-oxidase tem um papel importante na absorção de ferro no intestino delgado e a sua mobilização no fígado .. a redução da actividade da xantina oxidase está associada com uma diminuição concomitante no transporte de ferro no sangue.

    Em um nível metabólico, Rhodiola tem um efeito protetor do fígado. Os extractos hidro-alcoólicos normalizar a actividade da aspartato aminotransferase, fosfatase alcalina, e os péptidos de ureia e de bilirrubina. Estes extractos, promover a boa açúcar no sangue actuando sobre os níveis de insulina e corrigindo hipoxia pancreático.

    Rhodiola rósea também é anti-séptico, o extracto alcoólico de raiz tem uma actividade inibidora contra o Staphylococcus aureus. A fracção de flavonóides derivada de Rhodiola rósea tem uma actividade anti-viral. O extracto alcoólico raiz fortalece o sistema imunológico, activando a produção de células NK (Natural Killer).

    Se Rhodiola rosea é uma planta com muitos efeitos e é desprovido de toxicidade, não deixa de ser verdade que, como todas as plantas, é um remédio para a "correta" e não é uma planta comum ", objeto comércio". Seu uso banalizado resultaria em um esgotamento das espécies, que infelizmente está acontecendo em determinadas regiões de cobrança.


    Alain TESSIER
    etnobotânico

    Fonte: phytovox.fr

    La Phytothérapie pour eux aussi L’homme s’est depuis toujours préoccupé du bien être des animaux qui lui rendent service. Les seuls remèdes « simples » utilisables étaient les plantes dont les propriétés se transmettaient de générations en générations sans préjuger de leur composition. Longtemps ,seule a été faite la différence entre les plantes qui se mangent, les plantes qui soignent et les plantes qui tuent…( pas aussi douces qu’on veut bien le dire !) Les Assyriens ayant inventé l’écriture on retrouve sur des tablettes d’argile cette curieuse recommandation : « Le Docteur en bœufs sera largement payé s’il maintient nos animaux en bonne santé, mais si les animaux ne peuvent plus rendre service, il devra en rembourser la valeur… » De cette antique loi du talion qui ne saurait s’appliquer dans un contexte scientifique moderne, se dégage la notion de médecine préventive. Tous les propriétaires d’animaux souhaitent garder leurs animaux le plus longtemps possible sinon dans la meilleure forme. Or, il faut savoir que toutes les cellules des êtres vivant qui respirent de l’oxygène, vieillissent sous l’impact des radicaux libres, provoquant le dysfonctionnement simultané de plusieurs organes et systèmes, précurseur de la maladie. Les solutions naturelles de santé utilisées en première intention ou en complémentarité d’autres techniques choisies en accord avec votre vétérinaire, s’efforcent de rétablir le bon fonctionnement de ce fragile équilibre sans y ajouter de néfastes effets secondaires. Pour apprendre à reconnaître ces signes et a y remédier au jour le jour, nous vous proposons une page conseil chaque mois. Mais attention, les symptômes peuvent évoluer très vite chez l’animal, réservez donc l’automédication aux petites misères quotidiennes. MÊME AVEC LES BIOTHÉRAPIES VOTRE VÉTÉRINAIRE RESTE VOTRE MEILLEUR CONSEILLER… Wamine et les vétérinaires Wamine met à la disposition de votre vétérinaire plus de 50 références d’extraits de plantes standardisées pour une pratique moderne de la phytothérapie et la réalisation de préparations magistrales. Wamine met également à la disposition de votre vétérinaire de nombreux compléments alimentaires, probiotiques, oméga 3-6-9 , antioxydants, glucosamines, pour améliorer le bien-être des animaux au quotidien. Wamine aide les vétérinaires à trouver des solutions naturelles de santé animale, innovantes, originales ou complémentaires et participe à la formation médicale continue grâce à un partenariat avec les organismes officiels comme l’Association Française des Vétérinaires pour Animaux de Compagnie (AFVAC) et les Diplômes Universitaires de Phytothérapie. Wamine et le groupe PiLeJe Le laboratoire Wamine est la branche vétérinaire du Groupe PiLeJe. Il a été créé en 2002 suite à l’utilisation avec succès des compléments alimentaires par les vétérinaires et à leur souhait d’apporter à leur compagnon à 4 pattes les mêmes solutions de santé innovantes qu’à eux même. Wamine bénéficie des 20 ans d’expertise du Groupe PiLeJe dans la recherche en phytothérapie et micronutrition. Grâce à la connaissance des données les plus récentes de la recherche scientifique, il apporte aux vétérinaires une approche complémentaire aux techniques allopathiques et des solutions en phytothérapie animale (matières premières pour préparations magistrales) et micronutrition animale (suppléments nutritionnels pour chiens et chats).

    Os animais, quando deixados a si mesmos em estado selvagem, não hesite em ir auto-medicar s em farmácias naturais que são campos, florestas e bosques. Isto é também como um descobriu as propriedades medicinais de várias plantas.

    Fitoterapia é a arte de cuidados veterinários para os animais com plantas. Tal como os seres humanos, é importante para seguir as recomendações dos peritos da saúde (farmacêuticos e veterinários) e adaptar tratamentos naturais de acordo com cada animal.

    A prática de métodos alternativos aos cuidados com os animais por donos de animais (cão, gato, coelho e outros NAC), e fazendeiros ou agricultores continuam a crescer. medicina veterinária está mudando e métodos doces ou naturais são cada vez mais reconhecidos pela comunidade científica. Eles podem satisfazer as expectativas dos consumidores e de limitar a utilização de antibióticos na criação de animais, tratamentos muito caros em outros lugares. métodos alternativos também têm a grande vantagem de enfatizar a prevenção e conhecimento de animais.

    Confira mais rápido!

    fim rápida

    Economize tempo usando o formulário de pedido rápido. Com alguns cliques, você pode facilmente pedir suas referências favoritas.

    Formulaire de commande rapide

    Torne-se fã!

    Torne-se fã

    Torne-se um fã da nossa página no Facebook e fique 5 % desconto!

    Se você não está logado no Facebook, por favor, por favor, autentique-se primeiro e depois atualize esta página antes de clicar no botão que eu gosto. Caso contrário, você não vai conseguir seu voucher.